BlogSolar

 

A Academia Solar está com inscrições abertas para os cursos de projetos de sistemas de micro geração solar que acontece em São Paulo entre os dias 14 e 18 de março

 Como pensar, dimensionar, simular, instalar e cuidar dos sistemas de energia solar? Quais os resultados econômicos e ambientais de cada projeto? No curso, os alunos serão desafiados a compartilhar suas experiências construindo um conhecimento colaborativo em um mercado novo que cresce exponencialmente em todo planeta. Com carga horária de 20 horas, o curso aborda, de forma inovadora, temas importantes para projetar uma instalação de microgeração solar fotovoltaica conectada à rede e suas interações com o planejamento e integração às diferentes edificações.

As inovações tecnológicas e de negócios bem como as regulamentações serão abordadas em vários aspectos: exigências técnicas, procedimento de ligação, compensação e normatização –  o curso já incorpora as exigências da nova resolução 687, de 24 de novembro de 2015 que altera a Resolução Normativa nº 482, de 17 de abril de 2012, que permite a todo cidadão e empresa produzir sua própria energia.

Quando a quantidade de energia gerada por um cidadão ou empresa em determinado mês for superior à energia consumida naquele período, o consumidor fica com créditos que podem ser utilizados para diminuir a fatura dos meses seguintes e estes créditos de energia valem por 5 anos.

Os créditos de energia gerados pelos prossumidores podem ser usados também para abater o consumo de unidades consumidoras do mesmo titular situadas em outro local, desde que na área de atendimento de uma mesma distribuidora e é  chamado de “autoconsumo remoto”.

Outra inovação da norma diz respeito à possibilidade de instalação de geração distribuída em condomínios de edifícios com vários consumidores pois agora a energia gerada poderá ser repartida entre os moradores dos condôminos em porcentagens definidas pelos próprios consumidores.

Ainda mais inovadora é a proposta que cria a figura da “geração compartilhada”, possibilitando que diversos interessados se unam em um consórcio, associação, empresa ou em uma cooperativa e  instalem uma usina solar de  micro ou minigeração distribuída e utilizem a energia gerada para redução das faturas dos consorciados ou cooperados. “Este modelo nós chamamos popularmente de usinas solares coletivas e permitirá a união de familias, amigos e cooperados investirem nas suas próprias usinas solares comunitárias. É o momento ideal para o compartilhamento e coletividade a serviço da prosperidade energética do país”, ressalta Café.

A adesão ao modelo de geração distribuída têm crescido exponencialmente nos últimos anos 2 anos e se multiplicou por 4 entre 2014 e 2016 e promete duplica este ano de 2016 novamente.

O curso conta com apoio do Sindicato e Arquitetos do Estado de São Paulo  (SASP) cujos associados contam com desconto especiais para participar do curso.

 

O público-alvo do curso são profissionais da área, como arquitetos, engenheiros, eletricistas, eletrotécnicos, empreendedores e inovadores.

“Estamos preparando uma nova geração de prossumidores de energia que descortinarão um futuro em que todas as casas, edifícios, empresas e comunidades gerarão energia suficiente para atender às suas necessidades energéticas, possibilitando inclusive autonomia completa em relação aos sistemas convencionais de energia”, explica Carlos Café, instrutor e fundador da Academia Solar.

As inscrições para o curso podem ser realizadas no site: http://studioequinocio.com.br/cursos/

SERVIÇO

Local:
Sinduscon -SP
Rua Dona Veridiana, 55, Santa Cecilia, São Paulo, SP.

Apoio:

Data:
14/03/16 a 18/03/16 (segunda a sexta)

Horários: 

Turma 02- 18h30 às 22h30

Investimento :
R$ 800,00 (oitocentos reais) – valor líquido

Política de descontos (comprovantes devem ser enviados) :
R$ 650,00 – Estudantes e associados ao SASP-  valor líquido

 

About Post Author

Deixe um Comentário

© Studio Equinócio 2015.


Site desenvolvido pela Agencia Mouse