BlogSolar

Curso prepara profissionais para crescimento exponencial do mercado de energia solar no estado de Goiás.

A Academia Solar está de volta a Goiânia para oferecer novamente o curso de projetos de usina de microgeração solar fotovoltaica.  O curso acontecerá na Estácio de Sá entre os dias 05 e 09 de Dezembro e vem com um novo conteúdo incorporando novas tecnologias no mercado e mais sinergia entre a parte de projetos e os desafios práticos de uma instalação fotovoltaica e seu comissionamento.

Desde 2012, quando entrou em vigor a RN 482/2012 da Aneel, abrindo as portas para a Geração Distribuída (GD) no Brasil, o consumidor pode gerar sua própria energia elétrica a partir de fontes renováveis e fornecer o excedente para a rede de distribuição de sua localidade. Com sua revisão através da Resolução Normativa nº 687/2015 ampliaram-se as opções de geração solar por meio de usinas coletivas.

Goiás tem pouco mais de 70 unidades consumidoras que já possuem suas usinas solares o que coloca o estado em 14º posição no país. Somente com estes telhados já instalados estima-se uma produção anual de 1,4 milhões de quilowatts hora de energia elétrica por ano, calcula Carlos Café, instrutor da Academia Solar.  Fazendo uma conta simples, se considerarmos que cada quilowatt hora custa 0,7 centavos, no primeiro ano a economia financeira destes consumidores é maior que 1 milhão de reais.

Com uma manutenção de baixo custo, mas que precisa ser qualificada, uma usina solar deverá durar pelo menos 25 anos produzindo energia limpa o que já justifica o investimento na tecnologia. Se tornar prossumidor de energia é rentável já pelo simples fato de uma usina solar se pagar com o que economiza, em geral num período de 4 e 8 anos.

Apesar do mercado ser muito jovem, ele se comporta de forma exponencial e em menos de 05 anos devemos sair de pouco mais de 5000 telhados solares no Brasil para mais de 1 milhão de telhados solares, comenta Carlos Café.

Especialistas estimam que para atingir o potencial e a capacidade projetada pela Aneel serão necessários investimentos de 15 bilhões a 20 bilhões de reais – que desperta e cria um novo e enorme mercado para negócios no setor.

O instrutor da Academia Solar, Carlos Café traz na bagagem experiência de 10 anos em projetos e instalações de energia solar no Brasil e Americas Latina e Central e é o atual diretor de Capacitação da ABGD, Assoc. Brasileira de Geração Distribuída.

A ABGD vem desenvolvendo em conjunto com outras entidades do Brasil um amplo programa de certificação de profissionais do setor solar fotovoltaico o que criará uma base ainda mais sólida para o crescimento exponencial dos telhados solares no Brasil, comenta Café.

As inscrições para o curso já estão abertas e podem ser realizadas pelo link com formas de pagamento facilitadas:

http://studioequinocio.com.br/produto/curso-projetos-de-sistemas-de-microgeracao-solar-fotovoltaico-goiania-noite/

 

Local:

Estácio de Sá

Data:

05/12/16 a 09/12/16 (segunda a sexta)

Horários:

Turma – 18h00 às 22h00

Investimento:

R$ 800,00 (oitocentos reais) – valor líquido

Política de descontos (comprovantes devem ser enviados) :

R$ 650,00 –  Estudantes –  valor líquido

Informações: [email protected]

About Post Author

Deixe um Comentário

© Studio Equinócio 2015.


Site desenvolvido pela Agencia Mouse